MEU TEOREMA

                MEU TEOREMA

Ah! Se soubesses o quanto te quero,
Se soubesses o quanto me faltas,
Entenderias minhas poesias,
Saberias o que do meu coração salta.

Saberias o quanto se alegra minh’alma,
Quando te vê, quando te sente,
Sente tanta paz, sente tanta calma,
Mas o caos se faz, se estás ausente.

O que diz cada poesia, cada poema,
Daquilo que digo, vivo e sinto,
Como o enunciado de um teorema,
Breve, claro e sucinto.

Saberias minha saudade,
Saberias minha aflição,
Saberias o que é minha vontade,
Saberias como bate este coração.

Mauricio Bressan Junior
        12/08/2013

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para MEU TEOREMA

  1. Alexandre disse:

    Meu poeta predileto !!!!!!!!!!!!! Parabéns Maurício !!!!!!!!!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s