SONHO E PENSAMENTO

Como são interessantes nossos sonhos. Às vezes não sabemos interpretá-los, outras são significativos, e nos dizem que rumo seguir, outras saõ intrigantes.
Mas sempre querem nos dizer algo especial, algo importante. Sempre, são um reflexo daquilo que ansiamos, ou são recados que precisamos receber. Ah! Os sonhos…

SONHO

Esta noite sonhei contigo.
Que sonho bom que sonhei.
Foi tão alegre, tão feliz;
Que até sonhei outra vez.

Foi um sonho dentro do outro,
Sonhei que sonhei contigo,
E foi tão bom sonhar o primeiro;
O segundo então, foi mais do que digo.

Tu estavas ao meu lado,
Me falavas e me beijavas.
Eu te olhava silente e atento,
Não podia perder um momento.

Cada instante desse sonho,
Cada movimento que fazias,
Tudo ficou bem gravado.
Esse sonho, não esqueceria.

Foi tão real, tão verdadeiro,
Tua presença, tua energia.
Que parecia, sentia teu cheiro,
Por isto a força desta poesia.

Quisera ter mais inspiração;
Escolher mais as palavras,
Para expressar o sentimento,
Deixar claro o pensamento.

Quero outros sonhos assim sonhar,
Reviver o que ainda vivo, nos sonhos.
Relembrar cada acontecimento,
Refazer cada pequeno momento.

Mas enfim, já é muito bom sonhar.
Na verdade, não sonho em realizar.
É impossível esta tarefa.
Só sonhar já é quase materializar.

Mauricio Bressan Junior
15/04/2008

Há dias que nosso pensamento voa. E vôa para lugares distantes, para tempos que não se conhece. Mas deixe que ele voe, e nos traga novos experimentos, novas sensações, quem sabe surpreendentes emoções.
Deixe o pensamento voar e visitar outros planos, outras vidas, quem sabe? Mas deixe-o voar, voar longe, voar distante, e só assim nós teremos como definir; o que é ruim e deve-se descartar, e o que é bom e deverá ficar. O pensamento voa, então deixe-o voar…

LIVRE PENSAR

Fiz do mar meu espelho,
Da relva minha cama,
Fiz do sol minha luz,
E do fogo, meu aconchego.

Fiz assim meu lar no mundo;
Minha casa de vento.
E me sinto feliz desse jeito,
Me sinto levitar no tempo.

Não, não existe tempo na vida,
Só vejo esplendor todo tempo,
Tenho agora, em minh’alma a calma,
Sou agora cidadão do futuro.

No presente me sinto contente,
Do passado saudade ardente,
No futuro, o que aí está,
Amor, só amor meu coração sente.

O sol, meu companheiro ufano,
A lua, minha amiga amorosa,
Mar, meu mar assim sem fim,
Terra, Ah! Terra abre os braços pra mim.

Vou dessa forma vivendo a vida;
Sem tempo, sem espaço, sem lugar,
Fazendo da vida um desfrute,
Correndo pro tempo do amar.

Ah! Quão louca é minha mente;
Que diz e desdiz toda hora,
Quão louco e são meu coração se sente,
Mas, meu peito arfante vive sem demora.

Quem sabe se fiz, se sonhei?
Realidade sem sonho não se faz,
Importa as pessoas que encontrei,
Pois o sonho realidade nos traz.

Mauricio Bressan Junior
Maio/1991

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s